quarta-feira, 11 de junho de 2008





Ao pôr-do-sol, as suas cores de um ocre amarelo, recortadas no azul do mar, tornam-se mais intensas, e o esvoaçar das gaivotas que coabitam as muralhas com os pombos, impregna esta fortaleza inexpugnável que se ergue junto ao mar, de um halo misterioso que enfeitiça.
Outrora com a missão de defender a Cidade e suas gentes, hoje é um local de aprazível convívio onde se fazem exposições de arte contemporânea.

28 comentários:

.*.Magia.*. disse...

RUIIIIIIIIIII

Também tens aqui o AMARELOOOOO!!!!


hehehehehehehe


Parece telepatia :)


Adorei as fotos, principalmente por serem amarelas, e serem tuas!

:))))))))))))))


Beijossss mil :)

Carla disse...

um belo espaço que proporcionou fabulosas fotos
beijos

mena m. disse...

Oiro sobre azul, Rui!

Agora o "guerreiro" descansa dedicando-se ao prazer das artes!!

Magnífico!

M. disse...

Que bonito edifício. E que bem captaste os seus ângulos.

valéria mello disse...

O azul e o amarelo combinaram perfeitamente, dando uma sensação de calma e tranquilidade.

Beijos

jj disse...

Quando é que expõe lá??? :P Fotografia também é arte (contemporânea), a sua então!... Tal como as suas legendas são poesia pura! Sempre... :)))) Gostei de matar saudades.

Jinhos.

BaBy_BoY_sWiM disse...

Lugar lindo que adoro sempre passear...

Lisa disse...

Oiiiiiiii Ruiiii....

Vim desejar lindo final de semana com ternura...

Te cuida...

Jinhussss...

jawaa disse...

Belas imagens como sempre, aliás.
Vim às tuas flores, mas estas fotos nada lhes ficam a dever, são outro jardim.
Um abraço amigo

Jonice disse...

Que belo amarelo!

As fotos mostram uma temperatura tão agradável. E as composições estão deliciosas, Rui.

Tem um domingo bem lindo, mon ami :)

Beijinhos muitos

bell disse...

Muito bonito! A arquitectura fez-me lembrar o Algarve.

Bom domingo!

Belisa disse...

Imponente e linda fortaleza na sua cor de ocre amarelo, lindas as fotos no seu conjunto.
Beijos estrelados

Atlantys disse...

Olá Rui estive de férias e já tinha saudaddes de passar por aqui e ver as tuas sempre belas fotos =)
Beijokas =)***

Gata Verde disse...

As cores do forte são lindíssimas.
Beijocas

Klatuu o embuçado disse...

Queremos fotografia com esta qualidade, este olhar e este amor à terra no blogue da Nova Águia.

Abraço!
P. S. Acabei de te enviar um Convite.

Rui Caetano disse...

Um lugar da nossa história.

Andreia do Flautim disse...

Bonito! Onde é?

hiltom disse...

Agradeço visita ao meu blog.
Adorei as fotos. Assim é que devia ser em todas as situações: a utilização do que no fundo já não serve para o que inicialmente foi construído e a sua posterior adaptação a outras situações mais de acordo com os tempos modernos.
Pena que muitos e belos edifícios não sejam aproveitados, como este, para fins culturais.
Nunca é demais incentivar a cultura nas suas várias vertentes.
Voltarei
boa semana

Lu disse...

Bela combinação de cores! :)
Bj

Maria disse...

Uma beleza, Rui, uma beleza total.
Gosto imenso do ocre e do azul metileno... :) (para casas, claro).
... com azul sempre ao fundo...

Beijinho, Rui

Maria P. disse...

Que belíssimos cantos e recantos!

Beijinho, Rui*

Ana disse...

Gostei imenso das tuas fotos, és um artista na arte de fotografar! Não sei apreciar pormenores, só sei se gosto do que vejo ou não, e adorei as imagens. Comecei o meu Blog nem há um mês e tenho muito que aprender convosco.
Obrigada e um beijinho,
Ana

busillis disse...

Boas fotografias.Gosto das cores.
Abraço

lapa disse...

saudades

Samech Yud Tet disse...

Olá Senhor do Mar,

Estou agora na fase de exames, de modo que ando de cabelos em pé. O último dia será dia 30 deste mês e depois é aguardar resultados! Depois deste exame, saio da faculdade e vou direita para o aeroporto! Adivinhas para onde??

Férias de tudo, de faculdade, de casa e do trabalho! Eheheheheheh!!

Beijinhos

eu disse...

Conheço bem o lugar. Já lá estive muitas vezes e a calma e a serenidade que experimento quando lá vou são as mesmas que sinto ao olhar estas fotografias. Que bom!

Um abraço, Rui.

bettips disse...

Fica-lhe bem o gato em tons de dourado! Como sempre, mágico lugar que espreitamos, nós e por ti!
Abç

Luis Miguel disse...

Ainda Sábado passado lá estive. É um sítio que emana encanto por todo os cantos, pedra por pedra. Um recanto do passado que vive bem o presente.

Belíssimo.